INSTITUTO BRASILEIRO DE ENFERMAGEM

Venha fazer parte da 
Elite da Enfermagem Brasileira!

Imagem
SIGA O IBRAENF NAS REDES SOCIAIS

11 atitudes que podem DESTRUIR sua reputação como Líder

Liderar uma equipe de Enfermagem não é uma tarefa fácil. O Enfermeiro é responsável por (além das atividades aos pacientes) motivar a equipe, gerir conflitos, acompanhar os indicadores, superar metas e administrar o trabalho para que o desempenho do serviço seja positivo.

O problema é que, geralmente, grande parte dos Enfermeiros assume a chefia sem preparo. Neste caso, muitas vezes, mesmo com espírito de liderança, acabam prejudicando a equipe, ao invés de ajudá-la.

 Nesse artigo listei 11 atitudes que indicam o despreparo de um Enfermeiro em liderar, pois podem prejudicar sua equipe e te convido a realizar uma autoanálise avaliando a sua postura como líder:

1. Intimidar sua equipe
Usar o cargo de liderança para se impor e fazer com que a equipe chegue ao resultado, por bem ou por mal, é um erro comum. Esta é uma das piores estratégias à qual o Enfermeiro pode recorrer. Entenda, liderar não é o mesmo que mandar. O bom líder sabe dar ordens no tempo certo e do jeito certo. Como líder, você não precisa provar a sua liderança para ninguém, logo, não precisa dar ordens o tempo todo.

2. Não se comunicar bem
A comunicação é um dos principais pilares da liderança na Enfermagem. Um bom líder não perde a chance de ouvir sua equipe, demonstrando real interesse no que estão dizendo, criando e estabelecendo juntos um canal aberto para que todos se sintam importantes e parte do todo. Um Enfermeiro que é capaz de ouvir o que seu colaborador tem a dizer, mesmo que seja algo negativo, sem levar para o lado pessoal, gera confiança e motiva seus colaboradores. Aprenda como desenvolver sua comunicação com sua equipe. CLIQUE AQUI.

3. Ser incongruente
Muitos líderes têm ótimos discursos, sabem se expressar com grande facilidade e conseguem influenciar qualquer equipe, mas quando observamos aquilo que estão fazendo, descobrimos que existe um grande abismo entre o discurso e a prática. Ser congruente é estar em harmonia entre aquilo que você pensa, fala e faz. Os grandes líderes não são admirados apenas por seus belos discursos, mas por aquilo que fazem. Os líderes influenciam pelo exemplo: se você exige pontualidade, seja o primeiro a chegar. Aquilo que o líder faz todos os dias é o que inspira outras pessoas a fazerem o mesmo.

4. Ser indisponível e inacessível
Todo profissional gosta de ser orientado e reconhecido no trabalho, mas poucos líderes encontram tempo para se dedicar ao desenvolvimento e ouvir sua equipe. E o motivo é muito simples: enfermeiros encaram uma jornada de trabalho assistencial que já é por si só bastante exaustiva, repleta de demandas de todos os lados. Mas, um líder que não está humanamente interessado nas pessoas já começa com o pé errado. As pessoas odeiam quando são tratadas como peças de uma engrenagem. Ao despender uma parcela de seu tempo para ouvir os anseios e os desejos de cada funcionário de maneira individual, o líder tem a possibilidade de alinhar cada membro da sua equipe com as metas e com as necessidades da empresa. Isso faz com que os níveis de motivação aumentem tanto quanto a produtividade.

DICA EXTRA: Se você como líder dispuser de 60 minutos para conversar com sua equipe, dedique 45 minutos para ouvir e 15 para falar. Desses 15 minutos que você tem para falar, dedique 10 para fazer perguntas e use os 5 minutos restantes para dar sua palavra final. Com essa atitude você estará praticando o “saber ouvir” e atendendo à primeira necessidade básica. Aprenda outras técnicas avançadas de gerenciamento do tempo e comunicação nos cursos bônus GRATUITOS para alunos da Formação Online Líder Coaching para Enfermeiros. CLIQUE AQUI e garanta os bônus.

5- Não dar atenção individual
Um bom líder é capaz de reconhecer as virtudes e os defeitos de cada funcionário, tratando-o como um indivíduo único e dotado de habilidades importantes para a função que exerce dentro da equipe. Cada colaborador possui as suas próprias expectativas e objetivos pessoais. As pessoas são complexas por natureza, tanto internamente quanto no convívio com outros. Por isso, cabe ao líder saber identificar e auxiliar cada um dos seus funcionários. O tratamento individual demonstra cuidado e preocupação especial — atitude valorizada por qualquer profissional.

6. Ser desmotivado
Os Enfermeiros são a espinha dorsal da equipe de Enfermagem. E, para o bom desempenho dos trabalhos, pior do que um colaborador desmotivado é um enfermeiro desmotivado. A motivação do líder é essencial durante a liderança porque garante que os colaboradores se sintam seguros e empenhados em dar o melhor pelo serviço. Você é uma referência para os seus liderados e sua atitude perante eles influencia no comportamento da equipe todo dia.

7- Falta de ética
Esse é um comportamento que não apenas irrita as pessoas de uma equipe. Ele assusta também. Por essa razão, é um desmotivador poderoso. Quando um Enfermeiro quebra as regras, frauda, mente ou se entrega a comportamentos que revelam falta de princípios morais, perde o respeito dos colaboradores. E sem o seu respeito, um líder não pode conduzir. Pior ainda, quando um líder se entrega a práticas antiéticas, ele dá sua permissão para sua equipe fazer o mesmo.

8- Não explicar o porquê
Colaboradores que normalmente não encontram sentido no que estão realizando são menos produtivos. Qual é a chance de uma equipe ser inspirada por um líder que elabora as estratégias sem envolvê-la no processo? Ou sem, ao menos, embasar suas decisões? Por isso, uma das piores atitudes do líder é não explicar o que está fazendo, o que está acontecendo ou os motivos do que vai ser feito.

9. Mania de rotular
Incompetente, preguiçoso, agitado... Rótulos reduzem pessoas a um único comportamento e dificultam que outros traços, muitas vezes, qualidades sejam percebidos. Mesmo assim, muitos Enfermeiros ainda usam e abusam deles, provocando comodismo, uma vez que a pessoa pensa da seguinte forma: “Se sou incompetente, por que razão vou dar o meu melhor?”.

10- Não administrar conflitos
Conflitos são comuns em grupos de pessoas diferentes, que possuem ideias diferentes, e, é função do líder administrá-los. Quando são mal resolvidos, esses conflitos podem se acumular e atrapalhar no relacionamento da equipe e, consequentemente, no desenvolvimento das metas. Já os conflitos não abordados impedem a cooperação e alinhamento em torno de objetivos comuns. Cabe a você, enquanto líder, propor uma solução eficaz que gere bons resultados para a equipe e para a organização. As vezes pode não ser uma tarefa fácil, mas sua recompensa será um ambiente prazeroso e que pode desenvolver equipes melhores e mais fortes. CLIQUE AQUI e faça download gratuito do Guia de Gestão de Conflitos para Enfermeiros.

11- Não dar feedback
O feedback é uma poderosa ferramenta de desenvolvimento e motivação pessoal, tanto para o funcionário quanto para o próprio líder. Todos os colaboradores precisam ter um retorno sobre o seu desempenho no serviço. Saber se estão fazendo o trabalho corretamente ou se há algo a ser melhorado ajudará ao profissional a se aperfeiçoar e, consequentemente, melhorar a sua contribuição para a organização. Porém, o feedback não deve ser feito de qualquer maneira. Quando o feedback é feito da forma correta, com periodicidade e de forma construtiva, ele contribui para o relacionamento com a equipe, tornando-os mais próximos do líder. Aprenda como dar feedbacks construtivos, CLIQUE AQUI.

Liderar equipes de Enfermagem é coisa séria. Requer tempo e esforço constante...

Você é, geralmente, aquele que todos procuram quando encontram um problema. Quando você não está preparado para assumir este cargo, há grandes chances de a equipe se desmotivar e o trabalho não gerar bons resultados.

O Coaching ajuda a desenvolver sua habilidade de liderança e a capacidade de levar a equipe aos bons resultados. Um Enfermeiro Leader Coach sabe motivar diariamente, planejar as metas, delegar, acompanhar e conduzir tarefas; compartilha seus conhecimentos, desenvolve seus profissionais e mostrar o quão cada colaborador é importante para o alcance dos resultados.

Seja um Enfermeiro Líder Coach! CLIQUE AQUI 

Gostou dessas dicas? 
Deixe sua dúvida ou comentário abaixo
Venha fazer parte da Elite da Enfermagem Brasileira!
Insira seu e-mail abaixo para receber informações sobre o Curso Online Líder Coaching para Enfermeiros
Cadastre-se
Gostou? Clique Curtir e deixe um comentário!